sexta-feira, maio 27, 2011

Capricho do tempo

Faz tempo
Que não me preocupo com o futuro


Escolho hoje
Amanhã é passado

mai, 2011

Um comentário:

FRIZERO disse...

Filosófico, profundo, belo. Incrível como resumes em tão poucos versos um caminhão de reflexões.