quarta-feira, novembro 05, 2008

Sobre as Dúvidas



Já tive muitas dúvidas. Já fiquei estático e estanquei meu passo sob o seu efeito. Mas há algum tempo descobri que o medo é um mal conselheiro. Dúvida sem resposta é o artifício do medo. O medo pesa. Pesa muito. Segui em frente...

O Elefante

Enquanto chupava uma bala
Eu via o mundo pelo celofane cor-de-rosa....
(Cai uma flor de flamboyant na cabeça)
Tenho que viver sozinho
Tenho que aprender a viver sozinho.
Tenho que aprender a aprender a viver sozinho.
Contudo
Eu preciso amar,
mas preciso ter cuidado para não amar demais
E cuidado para não ter cuidado demais
E cuidado para não ter cuidado de ter cuidado demais.
Mas se eu não aprendesse e me descuidasse.
Teria um filho?
Adoeceria?
Sofreria?
Seria feliz?
Viraria um sapo?
Desencantaria?
(Não sei)

O elefante pesa porque não sabe.

jan, 1989



Nenhum comentário: